Anúncios

Melhores carnes para churrasco: como escolher e preparar? O churrasco é uma paixão nacional que reúne família e amigos em torno de uma boa carne assada na brasa. Mas você sabe quais são as melhores carnes para churrasco e como prepará-las da forma correta?

Anúncios

Neste artigo, vamos te mostrar as principais dicas para escolher, preparar, assar e servir as carnes mais saborosas e suculentas para o seu churrasco. Confira!


O que levar em conta na hora de escolher e preparar as carnes para churrasco?

Antes de ir ao açougue ou ao supermercado, é importante saber o que levar em conta na hora de escolher a carne para churrasco. Alguns fatores que influenciam na qualidade e no resultado final da carne são:

Anúncios
  • O tipo de corte: Você pode usar diversos cortes de carne bovina, suína, de frango e de outros animais no churrasco. Cada um tem suas características, vantagens e desvantagens, que veremos mais adiante.
  • A quantidade de gordura: a gordura é responsável por dar sabor, maciez e suculência à carne. Por isso, é recomendado que você escolha carnes com uma boa quantidade de gordura, seja na parte externa ou na parte interna (marmorizada). A gordura também ajuda a proteger a carne do ressecamento e da perda de nutrientes durante o cozimento.
  • A procedência e a qualidade da carne: é essencial escolher carnes de boa procedência e qualidade, que tenham sido bem armazenadas e conservadas. Prefira carnes frescas, com uma cor vermelha brilhante, sem manchas ou odores estranhos. Evite carnes congeladas ou descongeladas, pois elas perdem água e nutrientes, ficando mais secas e duras.
  • O preço da carne: o preço da carne pode variar bastante de acordo com o tipo de corte, a qualidade, a oferta e a demanda. Em geral, as carnes mais nobres e procuradas são mais caras, mas isso não significa que as carnes mais baratas sejam ruins. Você pode fazer um bom churrasco com carnes mais econômicas, desde que as escolha e prepare bem.

As melhores carnes para churrasco: Como escolher e preparar?

Agora que você já sabe o que levar em conta na hora de escolher a carne para churrasco, vamos te apresentar as melhores carnes para churrasco, de acordo com a opinião de especialistas e churrasqueiros. São elas:

Picanha

A picanha é, sem dúvida, a rainha do churrasco. É uma carne nobre, macia, suculenta e saborosa, que tem uma camada de gordura na parte externa que derrete e penetra na carne durante o cozimento.

A picanha pode ser assada inteira, em bifes grossos ou em cubos, no espeto ou na grelha. O tempero ideal é apenas sal grosso, que deve ser colocado depois que a carne estiver selada, para não desidratar.

Anúncios

A picanha deve ser assada a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 15 minutos de cada lado, para ficar ao ponto. Para saber se a carne está no ponto, faça um pequeno corte e observe a cor e a textura. A picanha ao ponto deve ter uma cor rosada e uma textura macia.

Maminha

A maminha é uma carne macia, suculenta e com pouca gordura, que fica na parte traseira do boi. É uma carne versátil, que pode ser assada inteira, em bifes ou em cubos, no espeto ou na grelha.

O tempero ideal é também o sal grosso, que deve ser colocado depois que a carne estiver selada. A maminha deve ser assada a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 20 minutos de cada lado, para ficar ao ponto.

Uma dica é passar manteiga na carne depois de assada, para dar mais sabor e brilho.

Fraldinha

A fraldinha é uma carne macia, saborosa e com bastante gordura, que fica na parte inferior do boi. É uma carne ideal para churrasco, pois tem um bom rendimento e um preço acessível.

A fraldinha pode ser assada inteira, em bifes ou em cubos, no espeto ou na grelha. Você coloca o sal grosso, que é também o tempero ideal, depois que sela a carne.

A fraldinha deve ser assada a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 25 minutos de cada lado, para ficar ao ponto. Uma dica é cortar a carne contra as fibras, para facilitar a mastigação e a digestão.

Alcatra

A alcatra é uma carne magra, firme e com pouca gordura, que fica na parte traseira do boi. É uma carne que tem um sabor suave e uma textura agradável, que pode ser assada inteira, em bifes ou em cubos, no espeto ou na grelha.

O tempero ideal é também o sal grosso, que deve ser colocado depois que a carne estiver selada. A alcatra deve ser assada a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 15 minutos de cada lado, para ficar ao ponto. Uma dica é não deixar a carne passar do ponto, pois ela pode ficar seca e dura.

Assado de tira

O assado de tira é uma carne nobre, macia, suculenta e marmorizada, que é um corte transversal da costela do boi. É uma carne de origem uruguaia e argentina, que é muito apreciada nas parrillas.

O assado de tira pode ser assado na grelha, começando perto da brasa (15 cm) e depois subindo (30 cm). O tempero ideal é também o sal grosso, que deve ser colocado depois que a carne estiver selada.

O assado de tira deve ser assado por cerca de 10 minutos de cada lado, para ficar ao ponto. Uma dica é não virar a carne muitas vezes, para não perder o suco e o sabor.

Costela gaúcha

A costela gaúcha é uma carne gordurosa, saborosa e que solta do osso, que é um corte tradicional do Rio Grande do Sul. É uma carne que requer paciência e dedicação, pois demora mais para assar que as outras carnes. A costela gaúcha pode ser assada inteira, no espeto ou na grelha.

O tempero ideal é também o sal grosso, que deve ser colocado antes de levar a carne ao fogo. A costela gaúcha deve ser assada a uma distância de cerca de 50 cm do fogo, por cerca de 4 horas, virando a cada hora, para ficar bem cozida e macia.

Uma dica é deixar a carne descansar por 15 minutos antes de servir, para que os sucos se distribuam e a carne fique mais úmida.

Asinhas e sobrecoxas de frango

As asinhas e sobrecoxas de frango são carnes macias, suculentas e com bastante pele, que são muito populares no churrasco.

Além disso, você pode temperar as carnes de diversas formas, com sal, alho, limão, ervas, pimenta, mostarda, molho barbecue, etc.

As asinhas e sobrecoxas de frango podem ser assadas no espeto ou então na grelha, a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 30 minutos, virando de vez em quando, para ficar bem douradas e crocantes.

Linguiça

As pessoas consomem muito a linguiça no churrasco, que é uma carne suína, temperada e embutida em uma tripa. Existem vários tipos de linguiça, como a toscana, a calabresa, a de frango, a de queijo, etc.

A linguiça pode ser assada no espeto ou na grelha, a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 20 minutos, virando de vez em quando, para ficar bem cozida e dourada. Uma dica é furar a linguiça com um garfo antes de assar, para que ela não estoure e solte a gordura.

Coração de frango

O coração de frango é uma carne macia, saborosa e barata, que é muito apreciada no churrasco. Além disso, você pode temperar o coração de frango de diversas formas, com sal, alho, limão, ervas, pimenta, etc.

Ele pode ser assado no espeto ou na grelha, a uma distância de cerca de 30 cm do fogo, por cerca de 15 minutos, virando de vez em quando, para ficar bem cozido e dourado. Uma dica é não deixar o coração de frango passar do ponto, pois ele pode ficar seco e duro.

Cupim

O cupim é uma carne gordurosa, fibrosa e com uma textura única, que fica na parte superior do boi. É uma carne que requer paciência e dedicação, pois demora mais para assar que as outras carnes.

O cupim pode ser assado inteiro, no espeto ou na grelha. O tempero ideal é também o sal grosso, que deve ser colocado antes de levar a carne ao fogo. O cupim deve ser assado a uma distância de cerca de 50 cm do fogo, por cerca de 5 horas, virando a cada hora, para ficar bem cozido e macio.

Uma dica é envolver a carne em papel alumínio depois de 3 horas de cozimento, para que ela não perca a umidade e o sabor.

Pernil

O pernil é uma carne suína, macia, suculenta e com bastante gordura, que fica na parte traseira do porco. É uma carne que pode ser assada inteira ou em pedaços, no espeto ou na grelha. Você pode temperar o pernil de diversas formas, com sal, alho, limão, ervas, vinho, cerveja, etc.

O pernil deve ser assado a uma distância de cerca de 40 cm do fogo, por cerca de 3 horas, virando de vez em quando, para ficar bem cozido e dourado. Uma dica é marinar a carne por pelo menos 12 horas antes de assar, para que ela fique mais saborosa e macia.

Melhores Carnes para Churrasco: Como Escolher e Preparar?
Foto: Freepik

Como servir as carnes do churrasco

Depois de assar as carnes do churrasco, é hora de servir e saborear. Para isso, é bom seguir algumas dicas importantes, como:

  • Cortar as carnes na hora de servir: isso evita que as carnes percam o suco e o sabor, e também facilita a degustação. Corte as carnes em fatias finas, contra as fibras, e em pedaços pequenos, para que caibam na boca.
  • Servir as carnes em ordem crescente de sabor: isso permite que o paladar se adapte aos diferentes sabores das carnes, sem que um ofusque o outro. Comece pelas carnes mais suaves, como o frango e a linguiça, e termine pelas carnes mais fortes, como a picanha e o cupim.
  • Servir as carnes com acompanhamentos: os acompanhamentos são essenciais para complementar e harmonizar as carnes do churrasco. Alguns dos acompanhamentos mais tradicionais são: pão de alho, farofa, vinagrete, salada verde, maionese, arroz, feijão tropeiro, mandioca cozida, etc.
  • Servir as carnes com bebidas: as bebidas são importantes para hidratar e refrescar o corpo, além de realçar os sabores das carnes. Algumas das bebidas mais apreciadas no churrasco são: cerveja, caipirinha, refrigerante, suco, água, etc.

Como escolher e preparar as carnes para churrasco?

Enfim, o churrasco é uma das formas mais deliciosas e divertidas de preparar e consumir carne. Para fazer um bom churrasco, é preciso escolher as melhores carnes, temperá-las adequadamente, assá-las no ponto certo e serví-las com acompanhamentos e bebidas.

Hoje mostramos as principais dicas para escolher, preparar e servir as melhores carnes para churrasco, como a picanha, a maminha, a fraldinha, a alcatra, o assado de tira, a costela gaúcha, a linguiça, o coração de frango, o cupim e o pernil.

Então, esperamos que você tenha gostado e que aproveite as nossas dicas para fazer um churrasco incrível. Bom apetite!

Share.

Olá, queridos leitores do blog RECEITTAS! Aqui é a Aline, e estou feliz em compartilhar com vocês minha paixão pela gastronomia.Espero que este blog seja uma fonte de inspiração e que vocês se sintam encorajados a explorar novas receitas, experimentar ingredientes diferentes e, acima de tudo, se divertir no processo.Um abraço!E-mail: [email protected]

Leave A Reply

Anúncios
Ao visitar o Receittas, alguns cookies podem ser armazenados em seu navegador para garantir a melhor experiência possível. Esses cookies são usados para personalizar o conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego do site. Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com o uso desses cookies. Você pode gerenciar suas preferências de cookies nas configurações do seu navegador. Para mais informações, consulte nossa Política de Privacidade.   
Privacidad